Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

sábado, agosto 11, 2012

Publicis poderia comprar Interpublic

Publicis poderia comprar Interpublic

Financial Times sustenta que acordo pode sair, ao valor de US$ 6 bilhões

Publicis poderia pagar US$ 6 bilhões pelo Interpublic, sustentam fontes do Financial Times
+ Publicis poderia pagar US$ 6 bilhões pelo Interpublic, sustentam fontes do Financial Times Crédito: Reprodução
 
Um acordo de aquisição poderia unir o terceiro ao quarto maior grupo da publicidade mundial. O francês Publicis Groupe, dono das redes Publicis, Saatchi&Saatchi e Leo Burnett, estaria disposto a pagar um valor próximo a US$ 6 bilhões pelo rival Interpublic, dono de McCann Erickson, Lowe e DraftFCB.

A informação é do blog do Financial Times, que cita “fontes costumeiramente bem informadas”, que teriam dito ainda que o acordo tem sido preparado pelos últimos seis meses.

Caso o rumor se transforme em fato, estaria criado o segundo maior grupo da publicidade mundial, com receitas de US$ 15,1 bilhões, de acordo com dados do Advertising Age relativos a 2011. O WPP permaneceria como o maior, com US$ 16,1 bilhões, mas o “Publicis-Interpublic” ultrapassaria o Omnicom, que está com US$ 13,9 bilhões.

Em julho, a Dentsu, quinto maior do mundo, adquiriu por cerca de US$ 5 bilhões o grupo britânico Aegis, que era o oitavo no ranking. No jogo das holdings, os japoneses continuam na quinta colocação, mas muito mais próximos do Interpublic, que está em quarto, e Publicis, terceiro. Outra grande aquisição recente foi da digital AKQA pelo WPP, por cerca de US$ 540 milhões.

O Interpublic vem de resultados recentes ruins, com queda de lucratividade e mau desempenho na Europa. Já o Publicis enfrenta a possibilidade de perder o CEO Maurice Lévy, que havia confirmado ao Financial Times que o grupo começa a discutir sua sucessão. O CEO do Interpublic, Michael Roth, também deverá se aposentar, mas dentro de alguns anos.

O Publicis concentrou suas últimas grandes aquisições nas agências digitais: Digitas, Razorfish e Rosetta. Além disso, comprou diversas empresas nos mercados emergentes, especialmente no Brasil, com Talent, QG, GP7 e DPZ, entre outras. Em 2002, havia comprado a Bcom3, dona da Leo Burnett, por US$ 3 bilhões.

Com informações do AdAge.

Marcadores: ,

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.