Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

segunda-feira, abril 02, 2012

IBOVESPA NÃO ACOMPANHA CLIMA DE OTIMISMO INTERNACIONAL

RELATÓRIO DIÁRIO DE ECONOMIA E MERCADOS
São Paulo, 02 de abril de 2012

Hoje:FGV – IPC-S (4ª Quad.) • BCB - Boletim Focus (semanal) • Privado – PMI Indústria (mar/12) • MDIC – Balança Comercial (mar/12) • EUA- ISM Indústria (mar/12) • Z. do Euro – PMI Indústria (mar/12) • Z. do Euro – Taxa de Desemprego (fev/12) • R. Unido – PMI Indústria (mar/12) • China – PMI Serviços (mar/12)

Nesta edição:

BRASIL:
• Focus: nova redução para expectativas de PIB
• Superávit primário em fevereiro em linha com o esperado

MERCADOS:
• Ibovespa não acompanha clima de otimismo internacional


BRASIL

FOCUS: NOVA REDUÇÃO PARA EXPECTATIVAS DE PIB

De acordo com a Pesquisa Focus, as mudanças das expectativas para o crescimento econômico de 2012 e 2013 foram os principais destaques. Houve uma ligeira redução da projeção para este ano, passando de 3,23% para 3,20%. Para 2013, também houve redução, de 9 bps, retornando ao patamar de duas semanas atrás. Para os demais indicadores não houve grandes alterações. O IPCA para 2012 caiu um bp, registrando 5,27%, enquanto que para 2013, a perspectiva se manteve estável em 5,50%. Para o câmbio, em 2012, o cenário continua praticamente igual, em R$ 1,77 / US$, ante R$ 1,76 / US$, enquanto que para 2013, a cotação esperada permanece no mesmo patamar: R$ 1,80 / US$. Já para as expectativas para a Selic de fim de ano permanecem estáveis, com 2012 em 9,00% e 2013 em 10,00%.

SUPERÁVIT PRIMÁRIO EM FEVEREIRO EM LINHA COM O ESPERADO
O superávit primário do setor público consolidado em fevereiro foi de R$ 9,5 bilhões, como projetamos. Este foi o melhor resultado para fevereiro desde o início da série, em 2001. Desagregadamente, o Governo Central contribuiu com superávit de R$ 5,3 bilhões; os governos regionais, de R$ 5,1 bilhões; e as empresas estatais, déficit de R$ 872 milhões.
Com esse resultado, o superávit acumulado nos últimos doze meses atingiu R$ 138,6 bilhões, ou 3,33% do PIB. Nos dois primeiros meses do ano, o superávit chegou a R$ 35,5 bi, ou 5,38% do PIB, o que representa 1,35 p.p. acima do resultado obtido no mesmo período de 2011. Esse movimento sugere que o governo ainda não enfrenta problemas para o cumprimento da meta em 2012 (3,1% do PIB).
O resultado nominal, que inclui o superávit primário e os juros nominais, foi de déficit de R$ 8,8 bilhões em fevereiro. No acumulado em doze meses, o déficit nominal é de R$ 97.6 bilhões, ou 2,34% do PIB, comparativamente aos R$ 100,1 bilhões (2,41% do PIB) no acumulado até janeiro.
A dívida liquida do setor público aumentou novamente, para 37,5% do PIB. Segundo o Banco Central, a dívida elevou-se 1,1 p.p. nesse ano devido a apropriação de juros nominais, o efeito da valorização cambial de 8,9% no ano e o reconhecimento de dívidas, mesmo tendo o superávit primário agido no sentido contrário.


MERCADOS

IBOVESPA NÃO ACOMPANHA CLIMA DE OTIMISMO INTERNACIONAL

A decisão dos ministros de finanças da Zona do Euro por aumentar o teto dos fundos de resgate de 500 bilhões de euros para 700 bilhões de euros trouxe ânimo ao mercado internacional. Além disso, o corte no orçamento de 27 bilhões de euros promovidos pelo governo espanhol também impulsionou o bom resultado dos principais índices europeus. Já nos EUA, além do clima internacional favorável, os bons resultados dos dados de confiança do consumidor também motivaram a alta das bolsas. Dessa forma, Dow Jones e S&P 500 obtiveram variações positivas de 0,50 e 0,37%, respectivamente. A bolsa brasileira, no entanto, não acompanhou o clima de otimismo internacional. O índice Ibovespa fechou o pregão com baixa de 0,56%, aos 64.510 pontos. No mercado de câmbio, o dólar fechou o dia com variação de -0,61%, cotado a R$1,8221/US$, enquanto no mercado de DI, os contratos com vencimento para janeiro de 2013 fecharam o dia em 8,92%.

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.