Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

terça-feira, março 06, 2012

RELATÓRIO DIÁRIO DE ECONOMIA E MERCADOS

RELATÓRIO DIÁRIO DE ECONOMIA E MERCADOS



HOJE IBGE – PIB (4T11) • FGV – Sondagem do Comércio (fev/12) • Anfavea - Produção e vendas da Ind. Automobilística (fev/12) • BCB - Início da Reunião do COPOM • Z. do Euro - PIB (t/t – prévia – 4T)

BRASIL
PIB: divulgação do indicador deve mostrar leve melhora em relação ao terceiro trimestre
Hoje teremos a divulgação do PIB referente ao quarto trimestre de 2011. Projetamos aumento de 0,4% na margem, representando uma melhora em relação a estabilidade observada no 3T11. Como já afirmado em relatórios anteriores, o resultado do 3T11 pode ser considerado atípico devido ao desemprenho fraco da produção industrial no período, e após esse momento, acreditamos que a atividade econômica mostrará recuperação, ainda que gradual. Apesar do forte resultado da produção industrial em dezembro (+0,9% m / m), o indicador foi negativo no 4T11: -1,4% t / t contra -0,8% t / t no trimestre anterior; assim, esperamos que a indústria, quando avaliada pelas contas nacionais, também apresente resultado negativo. Destacamos o setor de serviços, que deve ter mostrado forte recuperação na margem e será o maior responsável pelo resultado positivo do PIB – em nossa visão, a queda de serviços no 3T11 deveu-se à queda das vendas de veículos, fato que não se repetiu no trimestre subsequente. Além disso, o aumento da renda real também  deverá contribuir para a melhora do setor de serviços. Do lado da demanda, estimamos crescimento do consumo das familias e do governo na margem, devido ao ritmo forte do mercado de trabalho e ao crescimento do crédito PF registrados em novembro e dezembro/2011. Por outro lado, os investimentos não devem seguir esta tendência, devido à diminuição da produção de bens de capital no periodo (- 3,7% t/t). Entretanto, é importante termos em mente que, mesmo considerando a desaceleração da absorção doméstica (consumo das familias + governo + investimentos), seu ritmo de crescimento ainda manteve-se acima do PIB desde o final de 2009, o que sugere uma pressão sobre nível de preços.

MERCADOS
Dados de China e Grécia desanimam investidores
O pessimismo dos investidores internacionais marcou o pregão de ontem. A divulgação de uma meta de crescimento do PIB abaixo do esperado por parte da China e o rebaixamento da nota da dívida soberana da Grécia realizado pela agência de rating Moody´s foram dois dos fatores que mais influenciaram para o fraco desempenho das principais bolsas. Com isso, os índices europeus fecharam o dia em queda. Nos EUA, apesar da divulgação de índices econômicos relativamente animadores para a indústria, as principais bolsas não escaparam à tendência mundial de queda.


 Acompanhando o clima instável no cenário internacional, o Ibovespa fechou com queda de 1,21%, aos 66.964 pontos. No mercado de câmbio, o dólar fechou com variação de 0,4%, cotado a 1,7314R$/US$, enquanto no mercado de DI, o vencimento para janeiro de 2013 terminou o pregão em 9,03%.


Marcadores: ,

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.