Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

quarta-feira, junho 22, 2011

Discurso de Bernanke mexe com mercados e Ibovespa inverte, fechando em queda

Discurso de Bernanke mexe com mercados e Ibovespa inverte, fechando em queda

22 de junho de 2011 • 18h17 Por: Natália Wagner Rodrigues da Infomoney

SÃO PAULO - Após operar em alta durante praticamente todo o pregão, o Ibovespa inverteu sua trajetória durante a tarde, após o início do discurso do presidente do Fed, e fechou esta quarta-feira (22) véspera de feriado nacional com queda de 0,37%, ficando nos 61.194 pontos - mínima do intraday -, interrompendo assim uma sequência de três fechamentos positivos. O giro financeiro foi de R$ 5,23 bilhões.

Na Grécia, o voto de confiança dado pelo parlamento ao governo de George Papandreou na última noite confirmou as expectativas do mercado. Porém, o foco do mercado ficou com a decisão do Fed e o discurso do presidente da instituição, Ben Bernanke.

A taxa básica de juros dos Estados Unidos permaneceu inalterada em seu menor patamar histórico, entre 0% e 0,25% ao ano. Além disso, o Federal Reserve reduziu suas perspectivas de crescimento para a economia norte-americana em 2011, as quais passaram de um avanço entre 3,1% e 3,3% para alta entre 2,7% e 2,9%. A reação das bolsas norte-americanas após discurso foi de inversão da tendência, fechando em queda.

Discurso de Bernanke
De acordo com Bernanke, uma nova rodada de flexibilização econômica pode ser opção para o Fed caso sejam necessárias novas medidas para assegurar a recuperação da economia do país. Ademais, aumentou-se também a perspectiva para a inflação e para a taxa de desemprego na maior economia mundial.

Ainda de acordo com o presidente do Fed, por enquanto não é possível precisar o quão temporário é o menor ritmo de recuperação do país, já que pressões vindas da Europa e da Ásia seguem atrapalhando os mercados globais.

Destaques do Pregão
As imobiliárias lideraram as perdas no Ibovespa nesta sessão - as ações da MRV (MRVE3) tiveram a maior queda, de 3,91%. Logo em seguida aparecem a Rossi (RSID3), com baixa de 3,47% e a PDG Realty (PDGR3), com queda de 3,23%. Os papéis das empresas do Grupo Oi - Brasil Telecom (BRTO4, -2,34%), Tele Norte Leste (TNLP3, -2,12%; TNLP4, -2,02%) e Telemar Norte Leste (TMAR5, -1,34%) - também se destacaram na ponta negativa.

As maiores baixas, dentre as ações que compõem o Índice Bovespa, foram:

Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
MRVE3 MRV ON13,01-3,91-15,5857,20M
RSID3 ROSSI RESID ON12,50-3,47-13,6648,39M
PDGR3 PDG REALT ON8,69-3,23-12,9696,27M
TLPP4 TELESP PN44,45-3,05+16,4736,84M
DTEX3 DURATEX ON12,82-2,58-13,5011,02M

A Braskem (BRKM5) ocupou o lugar de destaque entre as maiores altas, avançando 3,79% no dia e encerrando o pregão cotada a R$ 22,47 por ação.

As maiores altas, dentre os papéis que compõem o Índice Bovespa, foram:

Cód.AtivoCot R$% Dia% AnoVol1
BRKM5 BRASKEM PNA22,47+3,79+14,4739,30M
CRUZ3 SOUZA CRUZ ON19,96+1,84+13,7725,10M
BBAS3 BRASIL ON EJ27,26+1,75-10,17169,15M
UGPA4 ULTRAPAR PN27,15+1,72+5,2128,78M
RDCD3 REDECARD ON23,15+1,54+14,3348,61M

As ações mais negociadas, dentre as que compõem o índice Bovespa, foram :

CódigoAtivoCot R$Var %Vol1Vol 30d1Neg
VALE5 VALE PNA43,85+0,46689,82M528,83M17.067
PETR4 PETROBRAS PN23,26+0,09437,09M387,66M21.016
ITUB4 ITAUUNIBANCO PN35,20+0,77260,63M206,66M11.722
OGXP3 OGX PETROLEO ON14,35-1,03180,10M257,18M10.666
BBAS3 BRASIL ON EJ27,26+1,75169,15M131,57M10.681
VALE3 VALE ON48,55+0,33155,36M142,52M6.704
PETR3 PETROBRAS ON25,71-0,16138,39M122,94M7.657
BVMF3 BMFBOVESPA ON EDJ10,43-0,67131,22M116,48M11.937
BBDC4 BRADESCO PN30,65+0,76124,60M134,58M8.377
BRFS3 BRF FOODS ON25,93+0,1296,41M110,34M4.558

* - Lote de mil ações
1 - Em reais (K - Mil | M - Milhão | B - Bilhão)

Agenda
Na agenda econômica do Brasil, a atividade econômica ficou estável na passagem de março para abril deste ano, já descontadas as influências sazonais, informou a Serasa Experian. No mesmo sentido, a taxa de desemprego nas seis principais regiões metropolitanas do País também permaneceu estável em maio, frente ao mês anterior.

Ainda por aqui, o Banco Central mostrou o resultado do fluxo cambial referente à terceira semana do mês, mostrando que a saída de dólares do País superou a entrada em US$ 759 milhões, por conta da pressão do fluxo financeiro.

Dólar
O dólar comercial fechou estável nessa quarta-feira, terminando a sessão cotado a R$ 1,589 na venda. autoridade monetária realizou um leilão de compra de dólares no mercado cambial à vista. A operação ocorreu entre as 15h51 (horário de Brasília) e às 15h56 e teve uma taxa de corte aceita em R$ 1,5876.

Renda fixa
No mercado de juros futuros da BM&F Bovespa, os principais contratos fecharam sem tendência e próximos da estabilidade. O contrato de juros de maior liquidez nesta quarta-feira, com vencimento em janeiro de 2012, registrou uma taxa de 12,43%, 0,01 ponto percentual abaixo do fechamento de terça-feira.

No mercado de títulos da dívida externa, o título brasileiro mais líquido, o Global 40, teve alta de 0,05% em relação ao fechamento anterior, a 136,57% do valor de face.

Já o indicador de risco-País fechou em queda de 3 pontos-base, aos 162 pontos.

Bolsas Internacionais
O índice Nasdaq Composite, que concentra as ações de tecnologia norte-americanas, fechou em baixa de 0,67% e atingiu 2.669 pontos. Seguindo esta tendência, o índice Dow Jones desvalorizou-se 0,66%, encerrando o dia a 12.110 pontos. Da mesma forma, o índice S&P 500, que engloba as 500 principais empresas norte-americanas, caiu 0,65% e fechou a 1.287 pontos.

Na Europa, o índice CAC 40 da bolsa de Paris registrou leve baixa de 0,15% e atingiu 3.871 pontos. No mesmo sentido, o índice DAX 30 da bolsa de Frankfurt desvalorizou-se 0,10%, ficando a 7.278 pontos. Por outro lado, o FTSE 100 da bolsa de Londres fechou em leve baixa de 0,04%, atingindo 5.773 pontos.

Confira a agenda para o próximo pregão
Os investidores ficarão atentos ao noticiário no cenário externo, já que em virtude do feriado de Corpus Christi, não haverá negociações na BM&F Bovespa na próxima quinta-feira.

Nos EUA, atenção para o relatório semanal que mostra o número de pedidos de auxílio-desemprego (Initial Claims). Além disso, sairá o New Home Sales, que mostra o número de casas novas com compromisso de venda.

Marcadores:

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.