Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

sexta-feira, abril 30, 2010

Bom dia ADVFN 30.04.10 - EUA: indicador importante define rumo dos mercados hoje segundo analistas

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta sexta-feira

Hoje os investidores voltam sua atenção principal ao mercado norte-americano. No Brasil a FGV divulga a Sondagem da Indústria de abril que fornece indicações sobre o estado geral da economia nacional e suas tendências. O Banco Central divulga a nota da Política Fiscal do mês de março. Nos Estados Unidos o Departamento do Comércio divulga a prévia do PIB do primeiro trimestre de 2010. Será divulgado o PMI Chicago (Purchase Managers Index) que mede o nível de atividade industrial nos Estados Unidos. A Universidade de Michigan apresenta o Sentimento do Consumidor para o mês de abril, índice que revela a confiança e expectativa do consumidor em relação à economia em geral. No Japão iniciam as reuniões do Banco Central para definição da política monetária do país.

EUA: indicador importante define rumo dos mercados hoje segundo analistas

Hoje nos Estados Unidos, com a agenda bastante movimentada, sai um dos indicadores mais importantes na visão dos analistas: a prévia do PIB norte-americano. O dado será referente ao primeiro trimestre de 2010 e ao que tudo indica os investidores podem se animar. As recentes declarações do presidente do FED (banco central) dão a entender que a economia continua em recuperação, mesmo que lentamente e com o desemprego ainda em níveis insatisfatórios. Outro fator que pode influenciar positivamente os mercados são os rumores do desenrolar da ajuda financeira à Grécia com o país se comprometendo a diversos cortes no orçamento público.

Bookmark and Share

quinta-feira, abril 29, 2010

Bom dia ADVFN 29.04.10 - Juros: impacto da alta na bolsa

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quinta-feira

No Brasil a Fundação Getulio Vargas divulga o IGP-M (Índice Geral de Preços - Mercado) comumente utilizado na correção de contratos de aluguel e indexador de tarifas como energia elétrica. O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulga a PME (Pesquisa Mensal de Emprego) de março, conjunto de dados sobre a força de trabalho que permitem avaliar as flutuações e a tendência, a médio e a longo prazo, do mercado de trabalho. O Banco Central publica a Nota de Política Monetária com os dados sobre a evolução dos agregados monetários (papel moeda, depósitos, câmbio entre outros) e operações de crédito do sistema financeiro. Nos EUA o Departamento do Trabalho divulga os números de Pedidos de Seguro-Desemprego mais recentes.

Juros: impacto da alta na bolsa

Ontem o Copom (Comitê de Política Monetária) do Banco Central decidiu com unanimidade de seus membros aumentar a taxa de juros básica da economia brasileira em 0,75%. Os rumores de que o Banco Central iria dar uma "paulada nos juros" como se noticiou nos principais jornais do país se concretizaram. Com o taxa a 9,50% ao ano e as péssimas notícias vindas da Europa ultimamente que impacto essa decisão terá na bolsa. Os analistas estão divididos: alguns acreditam que é a oportunidade que faltava para encerrar os ganhos acumulados até agora (desde 2009) e aguardar até haver uma definição dos problemas europeus. Outros pensam que a alta na taxa de juros já está presente nos preços das ações, mas mesmo que ainda não estejam a correção seria rápida. A maioria, entretanto espera que o índice Ibovespa não perca os 65.000 pontos, abaixo disso a correção seria mais profunda.

Bookmark and Share

quarta-feira, abril 28, 2010

Bom dia ADVFN 28.04.10 - Queda continua hoje nas principais bolsas mundiais

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quarta-feira

Hoje a agenda tem grande peso para os investidores. Tanto no Brasil como os Estados Unidos sairá a decisão sobre a taxa de juros básica das duas economias. Ainda nos EUA a Associação de Bancos de Hipoteca divulga os números de Pedidos de Hipoteca com referência semanal. O Departamento de Energia divulga os Estoques de Petróleo semanal.

Queda continua hoje nas principais bolsas mundiais

Parece que para o investidor o desânimo não acaba hoje: as principais bolsas mundiais continuam caindo hoje pela manhã. As bolsas asiáticas fecharam em forte baixa e as bolsas européias continuam o movimento de queda de ontem. A principal razão para os investidores é o temor de contaminação da má imagem que as contas públicas gregas vêm passando aos outros países da União Européia. Ontem Portugal e novamente a Grécia tiveram seus ratings (notas de crédito) reduzidos devido à deterioração de suas contas públicas. No Brasil colaborou para a queda da bolsa a expectativa de que o Banco Central irá aumentar a taxa de juros mais do que o esperado. A decisão sai hoje ao final do dia. Só resta aguardar.

Bookmark and Share

terça-feira, abril 27, 2010

Bom dia ADVFN 27.04.10 - Ansiedade: juros tomam novo movimento

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta terça-feira

A Fundação Getulio Vargas divulga a Sondagem de Expectativas do Consumidor de abril, índice que mede através de questionários a famílias das principais capitais do Brasil sobre a situação econômica do país, orçamento doméstico, grau de dificuldade de encontrar trabalho e intenções de compras de bens de alto valor. Iniciam-se as reuniões do Banco Central que definem o rumo da taxa básica de juros da economia. Nos Estados Unidos começa a série de reuniões do FOMC (Federal Open Market Committee) do FED que definem o rumo da taxa de juros básica dos EUA. Ainda na parte da manhã, serão divulgados o Índice S&P Case-Shiller, que mede a trajetória do preço dos imóveis no país e o Consumer Confidence, responsável por mensurar a confiança do consumidor norte-americano.

Ansiedade: juros tomam novo movimento

Hoje começam as reuniões do COPOM (Comitê de Política Monetária) do Banco Central do Brasil que define a taxa de juros básica da economia (SELIC). O consenso dos analistas era um aumento de 0,50% na taxa SELIC. Entretanto rumores já adiantam que o aumento poderá ser maior. Segundo os cadernos de economia dos principais jornais brasileiros o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, quer dar um ritmo maior ao aumento da taxa, por acreditar que os efeitos econômicos e políticos serão mais benéficos do que uma resposta lenta aos temores de superaquecimento da economia e alta expressiva da inflação.

Bookmark and Share

segunda-feira, abril 26, 2010

Bom dia ADVFN 26.04.10 - Bolsas em forte alta novamente

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta segunda-feira

Hoje concentração nos indicadores do mercado nacional. A Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) divulga o IPC (Índice de Preços ao Consumidor) de abril, índice que mede a variação de preços para o consumidor na cidade de São Paulo com base nos gastos de quem ganha de um a vinte salários mínimos. O Banco Central emite o Relatório Focus, com as projeções econômicas do mercado com base em consulta a aproximadamente cem instituições financeiras. O Ministério do Desenvolvimento divulga a Balança Comercial semanal.

Bolsas em forte alta novamente

Hoje o dia começa com uma agenda leve de indicadores focados no mercado nacional. Nos Estados Unidos será discutida a reforma do setor financeiro, que poderá criar alguma oscilação no mercado caso saia alguma nova notícia sobre o assunto. As bolsas asiáticas de Hong Kong e do Japão fecharam com expressivas altas de 1,59% e 2,30% respectivamente. Na Europa o dia começa animado, com os principais mercados operando em campo positivo, puxados por alta no setor bancário e um aumento na cotação das commodities.

CÂMBIO: Após "gangorra", dados dos EUA poderão desvalorizar o Real

Conforme esperávamos, os resultados dos indicadores europeus, somado com as notícias sobre a investigação da Goldman Sachs, transformou o mercado cambial numa "gangorra" e, apesar da moeda verde ter fechado acima dos 1,763 frente ao real, não trouxe nenhuma segurança de uma possível...

Bookmark and Share

quinta-feira, abril 22, 2010

Bom dia ADVFN 22.04.10 - Bolsas mundiais em queda na volta do feriado

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quinta-feira

Nos EUA o Departamento do Trabalho divulga os números de Pedidos de Seguro-Desemprego mais recentes e o Índice de Preços ao Produtor de março. No Brasil o Banco Central emite a Nota do Setor Externo (com os dados do balanço de pagamentos e reservas internacionais) de março.

Bolsas mundiais em queda na volta do feriado

Ontem a bolsa brasileira não abriu devido ao feriado de Tiradentes. E parece que volta em um dia não muito favorável. Na Ásia os mercados fecharam com prejuízos. Em Hong Kong e Xangai as bolsas de valores caíram principalmente com a preocupação de que o governo chinês irá apertar ainda mais a batalha contra uma valorização excessiva de seu mercado imobiliário. No Japão a valorização do Iene, perspectivas de lucros corporativos vindo aquém do esperado e possível redução do rating da dívida pública do país levaram o índice Nikkei a fechar em queda. Na Europa as principais bolsas do continente abrem com expressiva queda com a notícia de que o déficit do governo da Grécia em 2009 foi bem maior que o estimado anteriormente e resultados corporativos abaixo das expectativas. Nos EUA os índices futuros também operam em queda.

Bookmark and Share

terça-feira, abril 20, 2010

Bom dia ADVFN 20.04.10 - Bolsas em alta: investidores tentam reverter prejuízos hoje

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta terça-feira

No Brasil a FGV (Fundação Getulio Vargas) divulga o IGP-M (Índice Geral de Preços ? Mercado), índice mensal comumente utilizado para a correção de contratos de aluguel e tarifas de energia elétrica. O IBGE divulga o Índice de Preços ao Consumidor Amplo IPCA-15 (identifica as variações nos gastos das famílias que ganham de um a quarenta salários mínimos nas principais regiões metropolitanas brasileiras). O Banco Central apresenta a Nota de Mercado Aberto (informações sobre as operações com títulos públicos federais). Amanhã as bolsas brasileiras não abrem devido ao feriado de Tiradentes.

Bolsas em alta: investidores tentam reverter prejuízos hoje

Hoje o dia promete ser mais promissor, mas incertezas ainda continuam. As bolsas asiáticas fecharam estáveis hoje pela manhã, um bom sinal, visto a expressiva queda de ontem. Na Europa as principais bolsas do continente abrem em alta, com a confiança do consumidor alemão acima do esperado e os resultados das empresas vindo bem acima do projetado. Ajuda também a falta de unanimidade na decisão da SEC (órgão de supervisão do mercado dos EUA) de investigar o banco Goldman Sachs. Mesmo mostrando fraqueza, a investigação prosseguirá e possíveis problemas podem ser encontrados mais a frente, contaminando as cotações dos papéis de outros bancos. Há também o problema na aviação européia, devido a uma nova explosão do vulcão na Islândia, pode ocasionar prejuízos extraordinários, já computados a excederem os dos atentados ao World Trade Center em 2001.

Bookmark and Share

sexta-feira, abril 16, 2010

Bom dia ADVFN 15.04.10 - PIB crescerá 6,2% no Brasil, prevê instituição

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta sexta-feira

A Fundação Getulio Vargas divulga o IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor ? Semanal) de abril. Nos Estados Unidos o Departamento do Comércio divulga os indicadores de Alvarás de Construção e Construções Iniciadas de Imóveis referentes a março. A Universidade de Michigan apresenta a medição preliminar do Sentimento do Consumidor para o mês de abril, índice que revela a confiança e expectativa do consumidor em relação à economia norte-americana em geral.

PIB crescerá 6,2% no Brasil, prevê instituição

O Institute of International Finance (IIF), maior entidade de bancos internacionais no mundo, acredita que o Brasil irá crescer 6,2% em 2010 e próximo de 6% em 2011. Para o instituto o maior problema é o descontrole da inflação. Neste ano a inflação ultrapassará a meta de 4,5% buscada pelo Banco Central brasileiro. Como solução o IIF entende que o Brasil deve apertar a política monetária e retirar estímulos fiscais do mercado, com o intuito de evitar um superaquecimento econômico.

Bookmark and Share

quinta-feira, abril 15, 2010

Bom dia ADVFN 15.04.10 - China: PIB e inflação inesperados

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quinta-feira

Dia lotado de indicadores importantes nos EUA. Para começar, no Brasil sairá o IGP-10 (Índice Geral de Preços) de abril pela FGV (Fundação Getulio Vargas). Nos Estados Unidos o Departamento do Trabalho divulga os Pedidos de Seguro-Desemprego semanal. O escritório regional do Federal Reserve em Nova York divulga o NY Empire State Index, índice que mede a atividade do setor industrial no estado e região. O Departamento de Tesouro Americano divulga o Fluxo de Capital Estrangeiro. No final da manhã serão apresentados os dados de Produção Industrial e Utilização da Capacidade Instalada nas empresas norte-americanas. O FED distrital da Filadélfia divulga seu índice de março que mede o ritmo da atividade industrial na região.

China: PIB e inflação inesperados

A China acaba de divulgar os dados do PIB: alta de 11,9% (anualizado) no primeiro trimestre de 2010. O crescimento é mais que o dobro do visto no mesmo período de 2009, enquanto a crise financeira ainda pairava no ar. A taxa de inflação, temor maior dos analistas e da cúpula de Pequim, veio enfraquecida com alta de 2,2%. A maioria dos analistas anda preocupada que os programas de estímulo do governo chinês acabem por criar um superaquecimento econômico no país. A princípio não é o que se está vendo. A baixa taxa de inflação pode até subsidiar a crescente necessidade de um aumento da taxa de juros interna, que teria um óbvio custo político ao governo chinês. Uma grande possibilidade agora é esperar por uma valorização do Yuan (moeda oficial). Nesse ritmo é bem provável que a China ultrapasse o Japão e se torne a segunda maior economia do mundo em 2010.

Bookmark and Share

quarta-feira, abril 14, 2010

Bom dia ADVFN 14.04.10 - Prepare-se: agenda cheia deve ditar rumos do mercado hoje

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quarta-feira

No Brasil o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulga a Pesquisa Mensal do Comércio de fevereiro, com indicadores que permitem acompanhar o comportamento do comércio varejista no país. Nos Estados Unidos o Departamento do Trabalho divulga os Pedidos de Seguro-Desemprego semanal e o Índice de Preços ao Consumidor de março. Nos Estados Unidos o Departamento do Comércio divulga as Vendas no Varejo, de bens duráveis e não-duráveis de março e os Estoques das Empresas (industrial e varejo), do mês de fevereiro. O Departamento de Energia divulga os Estoques de Petróleo semanal. No meio da tarde o FED, banco central norte-americano, divulga o Livro Bege, relatório divulgado oito vezes por ano que reúne informações junto a economistas e analistas financeiros a respeito da situação econômica dos Estados Unidos.

Prepare-se: agenda cheia deve ditar rumos do mercado hoje

Hoje o dia conta uma agenda cheia de indicadores, principalmente nos Estados Unidos. Por lá, os indicadores que os investidores acompanharão mais de perto serão as Vendas no Varejo e Estoques das Empresas, que indicam como anda a economia real norte-americana. Para o Índice de Preços ao Consumidor não se esperam surpresas. No meio da tarde sai a ata da última reunião do FED (banco central norte-americano), que não raramente acaba invertendo ou ampliando a tendência dos mercados no dia, positivamente ou negativamente, de acordo com a interpretação dos analistas em relação ao que foi escrito. No Brasil, podendo contribuir com a volatilidade no mercado nacional, haverá o vencimento das opções sobre o Ibovespa na BM&F.

Bookmark and Share

sexta-feira, abril 09, 2010

Bom dia ADVFN 09.04.10 - Indicador reverte tendência do mercado

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta sexta-feira

Hoje a Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) divulga o IPC (Índice de Preços ao Consumidor), índice que mede a variação de preços para o consumidor na cidade de São Paulo com base nos gastos de quem ganha de um a vinte salários mínimos. O IBGE divulga a Pesquisa Industrial Mensal Emprego e Salário com dados relativos ao comportamento do emprego e dos salários nas atividades industriais em fevereiro, abrangendo todo o Brasil. Nos Estados Unidos o Departamento do Comércio divulga os Estoques no Atacado de fevereiro.

Indicador reverte tendência do mercado

Os investidores experientes utilizam um recurso que para o investidor novato pode passar despercebido: indicadores econômicos. Ontem a expectativa geral dos analistas para as bolsas mundiais era de queda, com notícias e dados econômicos desanimadores na Europa, assombrando os investidores. Mas as vendas no varejo norte-americano, indicador que subiu mais de 9% em março, pegou a maioria dos analistas de surpresa. De um dia sem muita esperança as principais bolsas dos EUA fecharam em alta. Os mercados europeus não tiveram tempo para digerir a nova notícia no pregão de ontem, mas amanhecem em alta com boa perspectiva, já que um aumento no consumo nos EUA é muito bom para a economia mundial. As bolsas asiáticas gostaram da repercusão da notícia e fecharam em alta nesta manhã. O Ibovespa fechou ontem em 71.784 pontos, alta de 1,40%.

Bookmark and Share

quinta-feira, abril 08, 2010

Bom dia ADVFN 08.04.10 - Queda: analistas esperam realização

Agenda do investidor para esta quinta-feira

No Brasil teremos a divulgação pela Fundação Getulio Vargas do IGP-DI (Índice Geral de Preços - Disponibilidade Interna). O IBGE divulga dois índices inflacionários: o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo), utilizado oficialmente como índice de medição das metas inflacionárias, e o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) referentes a março. O instituto apresenta o Sistema Nacional de Pesquisa de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI) feito a partir do levantamento dos custos (material e mão de obra) da construção civil no setor habitação. Nos Estados Unidos o Departamento do Trabalho mostra o número de pessoas a solicitar o Pedido de Seguro-Desemprego pela primeira vez. Na Europa iniciam as reuniões do Banco Central da Inglaterra e do Banco Central Europeu para definição das políticas monetárias.

Queda: analistas esperam realização
Com péssimas notícias vindas da Europa novamente, os mercados mundiais sofrem na obtenção de novas altas. A Grécia, inacreditavelmente perdida numa trama parecida com novela mexicana, com direito a reviravoltas inesperadas, após solicitar ajuda ao FMI, decidiu que talvez essa não seja a melhor solução para o país. O governo da Grécia quer elevar a meta do déficit fiscal em relação ao PIB, exatamente quando deveria diminuí-lo. No Brasil o mercado continua refém do humor externo. O Ibovespa aparentemente encontrou uma resistência de curto prazo por volta dos 72.000 pontos. Com as bolsas européias caindo hoje novamente é esperado um movimento de realização de lucros por parte dos investidores brasileiros.

Bookmark and Share

quarta-feira, abril 07, 2010

Bom dia ADVFN 07.04.2010 - Europa: bolsas caem após dados econômicos

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quarta-feira

No Brasil iniciamos o dia com a divulgação do Levantamento Sistemático da Produção Agrícola, mensalmente feito pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), contendo informações sobre previsão e acompanhamento das safras agrícolas. O IBGE também divulga a Pesquisa Industrial Mensal: Produção Física Regional, relatório produzido desde a década de 70, com indicadores de curto prazo relativos ao comportamento da indústria extrativa e de transformação. Nos Estados Unidos o Departamento de Energia divulga os Estoques de Petróleo semanal. O FED (banco central norte-americano) informa o nível do Crédito ao Consumidor de fevereiro. No Japão inicia o segundo dia de reunião do comitê de política monetária do país.

Europa: bolsas caem após dados econômicos

As principais bolsas européias abrem de mau humor hoje pela manhã, após dados do PIB e inflação não agradarem os investidores. O Produto Interno Bruto na Zona do Euro, após revisão, não apresentou crescimento, ao contrário do que mostrava a prévia do indicador. Os investimentos das empresas sofreram o maior recuo no componente. Outro dado que incomodou os investidores foi o Índice de Preços aos Produtores, que continuou o movimento de queda visto em janeiro. Esses dados mostram que a recuperação econômica na Europa está mais longe do que se esperava.

Bookmark and Share

quinta-feira, abril 01, 2010

Bom dia ADVFN 01.04.10 - Vale e Petrobras: união entre as empresas

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quinta-feira
A agenda inicia com a Pesquisa Industrial Mensal Produção Física, produzida pelo IBGE, trazendo indicadores de curto prazo relativos ao comportamento do produto real das indústrias extrativa e de transformação. O Ministério do Desenvolvimento apresenta a Balança Comercial da semana. Vale lembrar que amanhã será feriado no mercado brasileiro (sexta-feira santa). Nos Estados Unidos o Departamento do Trabalho divulga os Pedidos de Seguro-Desemprego da semana. Nos Estados o Departamento do Comércio divulga os Gastos com Construção em todos os níveis da economia: pública, privada, residencial e não residencial. O Instituto de Gerentes de Compras (ISM) divulga o seu Índice ISM de março, indicar que mede o nível de atividade da economia americana.

Vale e Petrobras: união entre as empresas
A Vale e a Petrobras estão estudando formar em conjunto uma empresa no ramo de fertilizantes. Hoje o Brasil importa quase todos os insumos necessários para a fabricação de fertilizantes. E a avaliação do governo é de que a reversão desse processo é urgente. Ambas as empresas possuem minas com potencial de extração de potássio, um importante insumo desse mercado. Para colocar ainda mais lenha na fogueira, o presidente Luis Inácio Lula da Silva, já discursa em favor da criação de uma estatal que gerencie o setor.

Bookmark and Share
Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.