Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

quarta-feira, novembro 25, 2009

Bom dia ADVFN 25.11.09 - Volta da inflação no Brasil e América Latina

Notícias em destaque

Agenda do investidor para esta quarta-feira

Hoje o dia está cheio de indicadores para acompanhamento. No Brasil, a FIPE (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas) divulga seu IPC (Índice de Preços ao Consumidor) referente a novembro. A FGV (Fundação Getulio Vargas) apresenta a Sondagem do Consumidor do mês de novembro, pesquisa que inclui questionamentos relativos à situação econômica do país, situação econômico-financeira das famílias consultadas, grau de dificuldade de encontrar trabalho e intenções de compras de bens de alto valor. A Dieese divulga a Pesquisa de Emprego e Desemprego. O Banco Central emite a Nota de Política Monetária referente a outubro apresentado a evolução dos agregados monetários, operações e distribuição setorial do crédito no sistema financeiro nacional. Nos Estados Unidos o Departamento do Trabalho divulga os Pedidos de Seguro-Desemprego semanal. O Departamento do Comércio divulga três indicadores: os Pedidos de Bens Duráveis (indica atividade da indústria) e a Rendas e Gastos Pessoais referentes ao mês de outubro. O governo norte-americano divulga o índice de Venda de Imóveis Novos, com expectativa de manutenção ou leve aumento na demanda. A Universidade de Michigan divulga o índice de Confiança do Consumidor e as expectativas dos consumidores em relação à economia norte-americana. O Departamento de Energia divulga níveis dos Estoques de Petróleo semanal.

Volta da inflação no Brasil e América Latina

Após a crise econômica que assolou os mercados mundiais, dados da atividade econômica nos países industrializados voltam a mostrar crescimento, ou pelo menos, desaceleração na queda. O avanço em 2,8% estimado da economia norte-americana no terceiro trimestre, a projeção da volta do crescimento econômico para o quarto trimestre deste ano no Reino Unido e o crescimento acima da média nas economias brasileira e da América Latina, demonstra que uma recuperação sustentável parece ser possível. Com a atividade econômica em crescimento os índices gerais de preços poderão acompanhar a trajetória ascendente, o que obrigará os bancos centrais a iniciarem um ciclo de aperto monetário antes que a ociosidade hoje presente no setor produtivo seja eliminada. Os governos terão tempos difíceis pela frente e precisarão acertar o momento correto para mudanças: a retirada dos estímulos não poderá ser cedo ou forte demais com a possibilidade de uma nova recessão e colapso financeiro, mas tampouco tardiamente levando a um superaquecimento econômico, acompanhado de descontrole fiscal e acabar alimentando uma nova e perigosa bolha de preços como da crise passada.

Marcadores:

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.