Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

segunda-feira, novembro 30, 2009

BC dos Emirados Árabes Unidos anuncia liquidez extra

BC dos Emirados Árabes Unidos anuncia liquidez extra

DUBAI (Reuters) - O banco central dos Emirados Árabes Unidos anunciou neste domingo um instrumento emergencial para dar suporte à liquidez dos bancos, na primeira resposta aos problemas de dívida de Dubai.

Dubai sacudiu o mundo financeiro em 25 de novembro ao pedir aos credores do Dubai World, o conglomerado por trás de sua rápida expansão, e da Nakheel, construtora de suas ilhas, que aguardem o pagamento de bilhões de dólares em dívida, em um primeiro passo de uma reestruturação.

Em resultado disso, os bancos enfrentam o risco de correntistas temerosos correrem para sacar seu dinheiro do sistema.

"Pode dar algum suporte ao mercado, mas não acho que seja suficiente", disse Shawkut Raslan, diretor da corretora Prime Emirates. "Eu acho que alguns estrangeiros vão tirar dinheiro do país e outros vão ficar com medo de colocar dinheiro".

A decisão do BC foi anunciada enquanto o Comitê Fiscal Supremo de Dubai se reúne para preparar um comunicado antes da abertura dos mercados na segunda-feira para tentar acalmar os investidores.

"O BC emitiu uma nota aos bancos dos Emirados Árabes Unidos e às agências de bancos estrangeiros operando nos Emirados,disponibilizando a eles um instrumento especial de liquidez adicional relacionado a suas contas correntes no banco central, à taxa de 0,50 ponto percentual sobre a EIBOR (taxa interbancária do país) de 3 meses", afirmou a autoridade em comunicado.

O BC não deu mais detalhes, acrescentando apenas que dará suporte aos bancos e que o sistema bancário do país está mais sólido e líquido hoje do que há um ano.

No sábado, a autoridade monetária disse estar observando de perto os eventos para assegurar que eles não gerem impactos negativos sobre a economia.

MOVIMENTO PREVENTIVO

Analistas disseram que o movimento do BC é preventivo para evitar uma fuga de capital e uma corrida a saques quando os mercados reabrirem após um feriado de quatro dias.

"Isso é importante porque a principal preocupação é a de que possa haver pânico por parte dos correntistas em Dubai e dos banqueiros que queiram tirar depósitos do sistema bancário", disse John Sfakianakis, economista-chefe do Banque Saudi Fransi-Credit Agricole Group.

A Fitch Ratings reduziu a avaliação de Dubai Bank, Tamweel e TAIB Bank.

"(O instrumento do BC) vai cobrir as preocupações imediatas relacionadas a depósitos nos bancos dos Emirados Árabes Unidos", afirmou Ghanem Nuseibeh, analista da consultoria Political Capital.

"Não significa que o empréstimo necessariamente vai diminuir... Ainda não sabemos a exposição dos bancos dos Emirados Árabes Unidos aos problemas de Dubai."

Marcadores:

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.