Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

segunda-feira, outubro 05, 2009

A captação bilionária da Petrobras

A captação bilionária da Petrobras

José Sérgio Gabrielli foi categórico: a capitalização da Petrobras prevista para 2010 originará a maior subscrição de capital de uma empresa no mundo. O processo de subscrição acionária pilotado pela União permitirá à companhia uma capitalização de até US$ 90 bilhões. Se concretizada, essa entrada maciça de dinheiro para viabilizar o pré-sal virá de duas fontes. O governo entrará com a subscrição de 33% do capital social da empresa - em torno de US$ 30 bilhões, mas pagará esse valor em barris de petróleo. E os acionistas minoritários (67%) terão o direito de aumentar sua parcela acionária na mesma proporção, o que garantiria à empresa um montante em torno de US$ 60 bilhões. Resta saber até que ponto a captação colossal pode beneficiar ou prejudicar o mercado financeiro do Brasil.

PALAVRA DE ANALISTA

Aumentar a participação em Petrobras é quase uma questão filosófica. Para se chegar a uma resposta, leva-se em conta a confiança no petróleo como combustível, na Petrobras como empresa e no governo como respaldo para a operação bilionária. Para Luiz Otávio Broad, da Ágorainvest, mesmo se não optar pela subscrição, o acionista fará um bom negócio. "Se ele não quiser aumentar a participação, terá em mãos papéis de uma empresa que vai crescer muito mais. Ele sai ganhando em qualquer cenário", diz ele. As ações PN acumulam 48,7% de alta em 2009 e ainda não se recuperaram do tombo de 2008.

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.