Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

segunda-feira, abril 24, 2006

Juros futuros encerraram em alta, na espera pela ata da reunião do Copom

Por: Equipe InfoMoney
24/04/06 - 17h10
InfoMoney

SÃO PAULO - As taxas dos contratos de DI futuro negociadas na BM&F (Bolsa de Mercadorias & Futuros) fecharam em alta nesta segunda-feira. Além das expectativas para a ata do Copom, as novas previsões para a inflação e o comportamento das commodities no mercado externo contribuiram para o impulso às taxas.

Vale lembrar ainda que o IPC-S (Índice de Preços ao Consumidor - Semanal), publicado nesta sessão, trouxe uma variação positiva de 0,24%, ligeiramente acima da inflação de 0,23% registrada na semana anterior.

Mercado externo
Uma maior volatilidade nos preços das commodities no mercado externo trouxe reflexos para as negociações dos juros futuros brasileiros. Mesmo fechando em queda neste primeiro dia da semana, o preço do petróleo continua em patamar mais elevado do que o fechamento da última quinta-feira, véspera de feriado no Brasil.

Ata do Copom e relatório Focus
Internamente, os investidores aguardam a ata da última reunião do Comitê de Política Monetária, que além das explicações para a redução da Selic a 15,75% ao ano, deverá indicar as próximas decisões do colegiado para a Selic.

Em relação às projeções para a inflação, o relatório Focus desta semana mostra a elevação da projeção do IPCA em 12 meses de 4,17% para 4,2%.

Contrato de janeiro de 2008 fechou com taxa de 14,69%
O contrato de juros de maior liquidez nesta segunda-feira, com vencimento em janeiro de 2008, registrou uma taxa de 14,69%, 0,09 ponto percentual acima do fechamento de sexta-feira.

Outros contratos que fecharam com bom volume negociado foram o com vencimento em outubro de 2006, que registrou taxa de 15,00% e o de janeiro de 2007, com taxa de 14,76%. No fechamento de sexta-feira, as taxas apontadas por estes contratos eram 14,97% e 14,72%, respectivamente.

CDB de 30 dias fecha em queda a 15,62%
A taxa do CDB prefixado de 30 dias fechou o dia em queda, rendendo 15,62% ao ano, enquanto na sexta-feira a taxa atingiu 15,68% ao ano. Por sua vez, a taxa do CDB prefixado de 360 dias encerrou as negociações desta sessão em queda a 14,63%, abaixo dos 14,70% na última sexta-feira. Sem variação, a taxa DI-Over rendia 16,43% ao ano no fechamento desta segunda-feira.

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.