Últimas 100 Atualizações do Website via Twitter:

Pesquise todo o conteúdo do website Horus Strategy abaixo:
Loading

quarta-feira, dezembro 21, 2005

Garantido o direito da Vale sobre minério de ferro excedente de mina da CSN

Por: Rodolfo Amstalden
20/12/05 - 16h20
InfoMoney

SÃO PAULO - Em mais um capítulo da briga entre a Vale do Rio Doce e a CSN, melhor para a mineradora. Nesta terça-feira, 20 de dezembro, o TRF (Tribunal Regional Federal) de Brasília garantiu que a Vale possa adquirir o excedente de minério de ferro da mina de Casa de Pedra.

O direito de compra fora questionado pelo Cade (Conselho Administrativo de Defesa Econômica), com base nos protestos da CSN. Para o presidente da siderúrgica, Benjamin Steinbruch, a Vale inibe a concorrência no mercado doméstico e pratica preços abusivos.

Após a decisão judicial, as ações preferenciais classe A da Vale do Rio Doce registram leve valorização de 0,01%. Por outro lado, as ordinárias da CSN caem 0,35%.

O histórico da disputa
O acordo descrevendo o direito de preferência da Vale na compra do minério de Casa de Pedra não aproveitado pela CSN foi assinado em 2001. Anos depois, a siderúrgica passou a se interessar mais pelo mercado de minério de ferro e a criticar o que considera abusos de mercado praticados pela Vale.

Steinbruch já afirmou intenção de investir em Casa de Pedra. Mas condiciona os investimentos à livre possibilidade de comercializar sua produção. Já executivos da Vale argumentam que a CSN tenta valorizar a mina com o objetivo de vendê-la e anular o direito de preferência da principal mineradora nacional.

Bookmark and Share

0 Comments:

Postar um comentário

<< Home

Copyright © 2002 / 2014 HorusStrategy.com.br. Horus Strategy é marca registrada. Todos os direitos reservados.